O que é Flextime em termos de RH?

Equilíbrio trabalho-vida e agendamento flexível do local de trabalho são conceitos que muitos profissionais de recursos humanos consideram quando procuram opções para melhorar a satisfação no trabalho, o engajamento e a produtividade. Mudanças na demografia da força de trabalho, como famílias com dois salários e aumento das obrigações familiares e pessoais, ressaltam a necessidade de flexibilidade, observa Cecilia Rouse, membro do Conselho de Consultores Econômicos da Casa Branca, no artigo de março de 2010 "The Economics of Workplace Flexibility. " O RH interpreta o horário flexível de várias maneiras diferentes para melhorar o local de trabalho e acomodar as mudanças.

Visão geral

O RH usa o horário flexível para se referir a horários de trabalho alternativos ou flexíveis. O uso eficaz do horário flexível acomoda as necessidades dos funcionários, fornecendo opções de agendamento sem comprometer a capacidade da empresa de atender às necessidades de negócios. Os fatores que o RH considera ao criar políticas de horário flexível são planejamento e logística, responsabilidade dos funcionários e soluções de desempenho e tecnologia. Na maioria dos casos, os horários de trabalho alternativos devem ser monitorados de perto pela administração para garantir a aplicação consistente da política de horário flexível do empregador. As necessidades de pessoal e de negócios devem determinar quantas opções diferentes de horário flexível são fornecidas aos funcionários.

Calendário de trabalho móvel

Um cronograma de trabalho flexível é difícil de gerenciar porque os horários de início e término dos funcionários podem mudar diariamente. Por exemplo, os funcionários podem ter a opção de começar a qualquer hora entre 7h e 9h, o que significa que um dia de trabalho de oito horas termina entre 16h e 18h. se o funcionário tirar uma hora para almoçar. Os funcionários que reservam 30 minutos para o almoço podem sair às 15h30. Essa opção funciona bem com trabalhadores confiáveis ​​que provavelmente não abusarão do privilégio de chegar atrasados ​​sempre que precisarem ou se apresentarem para trabalhar mais cedo para que possam sair antes da correria normal dos negócios.

Semana de trabalho comprimida

Um horário de trabalho comprimido é outra variação do horário flexível. Isso permite que os funcionários concluam uma semana de trabalho em menos do que os cinco dias normais. Por exemplo, quatro dias de 10 horas é uma forma comum de horário flexível. Em vez de trabalhar uma semana de 40 horas de segunda a sexta, das 9h às 18h, os funcionários podem trabalhar de segunda a quinta ou terça a sexta das 7h às 18h, ou outra combinação de horas que produza um dia de trabalho de 10 horas. Para muitas empresas, é difícil gerenciar uma força de trabalho inteira em programações compactadas, mas programações escalonadas podem garantir uma cobertura adequada.

Gestão

A gestão consistente é a chave para uma política de horário flexível eficaz. O RH define diretrizes para agendamento alternativo e fornece aos supervisores de departamento treinamento sobre como gerenciar equipes com agendas variadas. Além disso, o RH mede como as opções alternativas de local de trabalho afetam a satisfação no trabalho e a retenção de funcionários. O RH também é responsável pela manutenção de registros, rastreando com precisão as agendas de trabalho dos funcionários para garantir uma folha de pagamento precisa, especialmente se for uma pequena empresa onde a folha de pagamento é processada manualmente.

Postagens recentes